Novas promos 2016 Novembro

Reverb Blog

LIZT TRIPLE SHOT #8 RECORD STORE DAY

Por Lizt | 5 comments

LIZT TRIPLE SHOT #8  RECORD STORE DAY

Mais que um dia criado só pra vender discos e produtos ~especiais~ a preços nada módicos, o Record store Day surgiu em 2007 para celebrar a música em vários níveis, por isso o lindo Lizt Triple Shot dessa semana homenageia essa bela data. 

PRIMEIRA DOSE: UM FILME

Começamos com um filme do genial Steve Coogan em parceria com o ótimo diretor Michael Winterbottom, ele se chama 24 Hour Party People. Em terras brasileiras, virou A Festa Nunca Termina e conta a história de Tony Wilson, um dos caras mais importantes da história da música.

Coogan é Tony Wilson, o fundador da Factory, o cara que lançou o Joy Division, o Happy Mondays, o New Order, ele também é quem impulsionou a cena da dance music em Manchester – praticamente criou ela – fundando a boate chamada Hacienda.

No filme nós damos um passeio por boa parte de três fases importantíssimas para a música mundial, o tom da obra tem aquela coisa inglesa de ser, aquele humor nonsense e lindas atuações de todos. Com certeza você deve ver 24 Hour Party People pra aprender mais sobre música. 

SEGUNDA DOSE: UM DISCO 

Nada melhor do que comemorar o Record Store Day com um disquinho lançado em um Record Store Day, não é? Bom, então vamos recomendar loucamente um disco que o of Montreal e o Casiokids lançaram na edição 2011 do evento tema desse post. O disco of Montreal / Casiokids Split 7 traz o grupo de Kevin Barnes fazendo um cover de Buffalo Springfield e o Casiokids com uma Jam nova (para a época de lançamento). 

TERCEIRA DOSE: UM LIVRO 

Acho que todo mundo que está lendo este post já deve ter assistido a Alta Fidelidade, o filme com John Cusack e tal, mas imagino que bem poucos tenham lido a obra que originou o filme.

O livro foi escrito por Nick Hornby, um dos escritores ingleses mais bacanas, e foi lançada lááááá em 1995. Claro que o livro e filme são muito parecidos, mas na obra escrita Hornby mostra algo muito mais real, além de falar, mesmo que meio subjetivamente, do quadro social de uma juventude inglesa já envelhecida – aquele pessoal que cresceu jovem e, de uma hora pra outra, percebe que não tem muito com quem contar na vida.

Por Lizt | 5 comments

Olá! Você precisa estar logado para comentar. Clique aqui e faça um cadastro super rápido!

Sempre falam que eu sou o careca do Alta Fidelidade

Você precisa estar logado para comentar.

lizt acertou em cheio! esse filme é muito bom, a trilha também caberia perfeitamente aqui de tão boa que é, vale a pena procurar! já alta fidelidade o livro é mais legal do que o filme (que ficou faltando muitaaa coisa!) parabéns lizt, esse foi um dos meus posts favoritos!

Você precisa estar logado para comentar.

Daniel.. bora comentar logado e aparece no forum para jogar conversa fora, o papo é bem divertido por lá.. abs

Você precisa estar logado para comentar.

Belas dicas, pessoal, especialmente o livro e o filme, já que um LP desses é um sonho de consumo inviável a preço aceitável... :( 24 Hour... é um belo filme para quem gosta de ouvir e conhecer música, e Alta Fidelidade, um livro obrigatório para quem, como eu, passou dos 30 e ainda não sabe se tem um lugar nesse mundo de engravatados em escritórios que só ouvem música de elevador

Você precisa estar logado para comentar.

Mandaram muito bem, pra variar clap clap clap 24 hour party people

Você precisa estar logado para comentar.