Novas promos 2016 Novembro

Reverb Blog

MYSTERY JETS @ BARBICAN CENTRE, LONDRES

Por You! Me! Dancing! | 1 comments

MYSTERY JETS @ BARBICAN CENTRE, LONDRES

Ver uma das suas bandas preferidas provavelmente é uma das melhores coisas que pode acontecer para um fã fervoroso. Ver finalmente em carne e osso aquela música que você ouve, ouve, ouve até o disco furar (ou o streaming dar pau e o mp3 corromper) e nunca se cansa finalmente em acordes redondinhos na sua frente: impagável.

Bandas preferidas são sempre muitas, óbvio que tem aquela que chama no coração de primeira linha e aquelas mais secundárias, mas que sempre te encantam mesmo assim. O Mystery Jets não é das primárias, mas ainda assim, sempre tive um apreço especial pelos caras de Eel Pie, na Inglaterra. Eles passaram um tempo sumidos dos palcos para gravar o próximo disco e voltaram especialmente para o aniversário da sua gravadora, a Transgressive Records.

O show foi marcado por velhas conhecidas da plateia como “Flakes” e “Alice Springs” e aconteceu no Barbican Centre, uma das casas mais singulares de Londres, para acompanhar não só os músicos, mas também outros artistas do selo britânico. Eu fui só pelo Mystery Jets, cheguei na hora deles e não me vi interessado em continuar por lá depois deles.

A banda, mesmo não estando sob o posto de headliner da noite, foi provavelmente a mais aclamada. O apreço era nítido: gente levantando, batendo palma e entoando as músicas decor e salteado, além é claro de apreciar três músicas novas que, particularmente, soaram muito boas ao vivo. Blaine e companhia pareciam muito felizes em voltar e serem aclamados desse jeito. 

Além de tudo ser tudo muito comemorativo e especial, uma participação surpresa resolveu dar as caras no talvez único hit da banda, “Young Love”. Laura Marling subiu tímida ao palco e entoou sua parte da música e saiu correndo logo em seguida. Inesperado e surpreendente, obviamente, já que isto aconteceu raras vezes em shows da banda por aí. 

Ver uma das bandas preferidas sempre tem aquele gostinho de “ah, já vai acabar o show?” mesmo que ele dure infinitos momentos. O show durou pouco – eles não eram headliners – mas foi muito especial, tanto para mim quanto para o resto do público e, principalmente, a banda que está na gravadora desde o começo e já tem um longo tempo de estrada. Resta nos esperar o próximo disco que com certeza vai seguir o padrão de excelência dos caras. 

Por You! Me! Dancing! | 1 comments

Olá! Você precisa estar logado para comentar. Clique aqui e faça um cadastro super rápido!

woooo....Young Love com Laura Marling..queria muito ter visto :)

 

Você precisa estar logado para comentar.